Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


.


Quando a esperança não morre

por *Márcia S.*, em 30.08.15

Nunca fui o tipo de pessoa de dizer "ainda tenho esperança que isto aconteça". Por vezes a vontade de fazer acontecer é grande mas nem sempre existem forças para concretizar sonhos, vontades, desejos. Quando me mentalizo que aquilo é impossível, a vida trata de me mostrar que os impossíveis não existem. Somos nós que colocamos barreiras ao que temos medo que aconteça, provavelmente por não saber reagir nessas situações. Mas, se as barreiras não existissem, se o medo não existisse, tudo era mais simples. Eu prefiro o complicado, mas não me deixo dominar pelo medo, pelo menos vale a tentativa.

A minha história ensinou-me a ter esperança no que pode ainda acontecer. Mas não posso viver da esperança, deixando que tudo o resto me passe ao lado.

Autoria e outros dados (tags, etc)

.




Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens