Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]


.


Afastei-me, conquistei, fui feliz

por ✓MS, em 26.08.15

A certa altura afastei-me do mundo. A necessidade de me isolar era muita e precisava de encontrar o meu equilíbrio. Sabia que o risco de perder algumas pessoas era grande, mas gosto de correr riscos. Viver para ajudar os outros torna-se uma rotina cansativa mas gratificante. Mas o meu equilíbrio era mais importante naquele, e quem sabe hoje também, momento. Foi uma decisão ponderada e pesei todos os contras, sempre fui pessimista. Estava na altura de recuperar alguns bocadinhos que deixei escapar.

Estive umas semanas em que só existia eu, música, papel e caneta. Afastada de tudo o que me podia fazer recuar na minha decisão. Acordei do meu descanso e activei tudo o que tinha deixado de lado, retomando assim o que ainda restava de quanto me tinha ausentado.

Conquiste novas amizades, como é bom estar perto de quem nos quer bem! Conquistei a confiança de pessoas maravilhosas a quem ficarei sempre grata por me terem feito crescer. Conquistei-me a mim mesma. Conquistei a minha vida.

Fui feliz, muito feliz. Fui feliz nas decisões que tomei, nas pessoas que me procuraram.

Em suma, quem foi embora fui eu e quando regressei tinha tudo para ser feliz.

 

Por tudo isso, hoje sou feliz.

Autoria e outros dados (tags, etc)

.



1 comentário

Imagem de perfil

Andy Bloig a 27.08.2015

"To be alone is to be with yourself and only yourself. You are never alone if you have it with you. And you don´t need anybody else to help you out."



(Ainda não me inscrevi na associação de defesa dos sacos de boxe... por isso, não podes ir calçar as luvas.)

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens