Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


De volta ao artigo 13?!

por ✓MS, em 27.03.19

Há uns meses muito se falou do artigo 13. Não me irei alongar, nem de perto nem de longe, a explicar o que é ou em que se baseia que certamente já devem todos saber do que se trata. Muito se falou, muito se especulou. O que é certo é que desde ontem é um dos temas "do momento". Talvez o momento, ou um dos momentos, quentes que vão ser falados novamente durante toda a semana. Ao que parece, foi aprovado! Não entendo sinceramente a frustração de muitos com a notícia (no sentido em que foi aprovada, pois já seria de esperar que fosse). Se concordo com a medida? Não, não concordo! Acabo por entender as diferentes opiniões sobre o assunto, é certo. No entanto não deixo de não concordar, desde o início, com o que representa este artigo. Mas, de qualquer forma, desde que se começou a falar que o dito cujo estava "em análise" era de prever este desfecho. Não creio que adiante de muito as reclamações que vamos fazendo aqui e ali (no vasto mundo da internet), resta esperar pra ver qual o derradeiro desfecho?!

Autoria e outros dados (tags, etc)

A primavera veio em grande?!

por ✓MS, em 24.03.19

Parece que a primavera trouxe mesmo o bom tempo! Já não me lembrava de ter uns dias tão quentinhos faz algum tempo! Na verdade, até sabe bem uns dias assim, com sol e calor!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Uma questão de tempo?

por ✓MS, em 18.03.19

É de mim ou os dias estão a passar extremamente de vagar? Parece que não passa o tempo. Há semanas atrás parecia que o tempo estava a passar a voar, agora estou com a opinião contrária!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Adoro a forma como sorris

por ✓MS, em 17.03.19

Se há algo que sempre me chamou a atenção é o sorriso de alguém. Olhar para o sorriso do homem que amo é algo que me conforta. Não só me conforta como me deixa tão mas tão feliz!

Autoria e outros dados (tags, etc)

O que valerá mais?

por ✓MS, em 08.03.19

Ultimamente dei por mim a pensar e repensar em coisas que talvez façam sentido, ou talvez não. Cada vez mais consigo ver e perceber, em tudo e todos que me rodeiam, que as prioridades são completamente diferentes de uns para os outros. Para uns vale mais a pena o sentimento de posse, para outros o valor que os move (refiro-me a fazerem mais para receber mais, ignorando tudo o resto), outros o tempo para gozar a vida, já outros o equilíbrio entre todas as anteriores. Questiono-me algumas vezes qual a mais correta, isto se alguma das opções for "a mais correta". Se realmente deve existir um certo equilíbrio, se deve existir um ponto prioritário em relação a todos os outros. Se alguém consegue ser feliz com o equilíbrio de todos, ou se pelo contrário conseguirá ser feliz com um dos pontos em primeiro lugar na sua vida.

Autoria e outros dados (tags, etc)

.


Pág. 1/2



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens